2ª Nova Serrana Feira e Moda mostra seus produtos para mercado externo

0 Flares Filament.io -- 0 Flares ×

foto 003 SINDINOVA.jpg
Visitantes percorrem os corredores do Centro de Eventos

Evento recebeu compradores internacionais e superou expectativa de público

Reconhecida como a maior feira calçadista do Estado de Minas Gerais, a Nova Serrana Feira e Moda vem se fortalecendo no cenário das feiras nacionais, recebendo grandes lojistas nacionais e internacionais. Em sua segunda edição, que terminou ontem (06/03), o evento superou as expectativas de público, recebendo 10,3 mil visitantes. Também estiveram presentes no Centro de Eventos da cidade as principais redes de lojas do País, além de importadores da América Latina e Europa, convidados pelo Projeto Comprador, realizado pela Abicalçados e Apex/Brasil, em parceria com o Sindinova (Sindicato Intermunicipal da Indústria do Calçado de Nova Serrana) e o Sistema Fiemg.

foto 065 SINDINOVA.jpg
Heleno de Freitas (Lev Flex) e Esteban Muñoz (Passion Shoes – Equador)

Eles tiveram a oportunidade de conhecer a grande variedade de calçados expostos pelas 250 marcas presentes no evento e se surpreenderam. Foi o caso de Esteban Muñoz, da empresa Passion Shoes, responsável por distribuir calçados para mais de 300 pontos de vendas no Equador. “Fiquei impressionado com o evento, sua infra-estrutura e a diversidade de calçados apresentada pelos fabricantes de Nova Serrana”, argumentou Muñoz, comemorando o resultado de suas compras. “Trabalho com todos os tipos de produtos em meu País e conseguirei suprir as necessidades de nossa distribuidora durante estes três dias. Fechei pedidos de 50 mil pares na cidade”, finalizou o comprador.

Já o boliviano Luiz Fernando Rojas, responsável pela rede de lojas e distribuidora Rosario Importaciones, comprou cinco mil pares de calçados na feira, entre tênis, sapatênis, sandálias e produtos infantis. “Consegui encontrar diversas opções dentro do que procurava. As empresas locais estão no perfil dos produtos que comercializo e pretendo voltar para a próxima edição”, concluiu.

Oportunidade de exportar

Além dos pedidos fechados para o mercado interno, Cristina Rodrigues, diretora da Kitikero Calçados, comercializou 12 mil pares para a Bolívia e Equador. “Fechamos pedidos e fizemos contatos com outros compradores internacionais. O Projeto foi ótimo para divulgar nossa marca e nossos produtos infantis fora do País, além de ampliar o volume de vendas do evento”, definiu.

A marca também mostrou o cuidado com o meio-ambiente. Todo o material usado no estande foi produzido com materiais reciclados, com o resíduo da produção da própria fábrica. “Os enfeites foram feitos com tubos de papelão, as lixeiras com potes de pigmento para TR e nas cadeiras utilizamos o material das latas de cola. Tudo isso são resíduos da fábrica que podem ser reutilizados”, explicou a empresária.

O estande da marca Lev Flex também recebeu vários importadores. Segundo o diretor Heleno de Freitas, o Projeto Comprador ofereceu aos empresários boas condições de exportar. “Foram selecionados compradores com grande potencial de negócios, interessados no perfil de nossos produtos e com real interesse de compra. Apesar do cenário desfavorável para a exportação, consegui fechar negócios na feira, que também me rendeu bons contatos.” De acordo com o empresário, nos próximos seis meses devem ser exportados para a Bolívia cerca de 10 mil pares.

O Projeto Comprador foi realizado pela terceira vez no pólo mineiro e deve se repetir na próxima edição da Nova Serrana Feira e Moda, que acontece entre os dias 12 e 14 de agosto.

Assessoria de Comunicação Institucional
Jornalista responsável: Juliana Lorenzato
juliana@sindinova.com.br
(31) 8471-7742

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io -- 0 Flares ×